Pesquisa personalizada

23 fevereiro 2010

Visitar a Ria de Aveiro em Murtosa

A Ria de Aveiro, um dos mais belos acidentes hidrográficos, banha o Concelho da Murtosa. A Ria de Aveiro estende-se por cerca de 45 Km de comprimento, desde Mira até Ovar. Na Ria desaguam rios como o Vouga, Águeda e Cértima. Comunica com o mar através de uma barra artificial que origina que as águas sejam afectadas pelas águas salgadas do mar e pelas águas doces dos rios o que condiciona a flora e a fauna de toda a região, e transforma este espaço num habitat muito importante.
A Ria de Aveiro tem uma grande diversidade de habitats naturais: "estuários, lagunas, lodaçais e areias a descoberto na maré baixa, prados salgados atlânticos, florestas dunares de Pinheiro - bravo (Pinus pinaster) e Pinheiro - manso (Pinus pinea), turfeiras altas activas, freixiais (de Fraximus angustifolia), carvalhais (de Quercus fraginea) e muitos outros."
Ria de Aveiro: Uma história que fala por si. Forum Ambiente. Porto: Grupo Forum. 1999, nº.59.
Existem inúmeras espécies a proteger na Ria de Aveiro, entre as quais a Lontra (Lutra lutra) , bem como, espécies piscícolas: solha, linguado, robalo, taínha e enguia. Na flora a existência do bunho é de grande importância na realização das esteiras e do junco, utilizado ainda hoje para fazer a cama do gado e juntamente com os excrementos, serve para fertilizar a terra. As áreas cobertas pelo moliço, são de elevada importância biológica, por constituirem abrigo para juvenis de espécies piscícolas.


Sem comentários:

Enviar um comentário